Jovem é assassinado em cemitério de Santa Cruz do Capibaribe

Gleison Lacerda de Menezes era ex-presidiário por roubo. Segundo a polícia, ele utilizou o local para consumir drogas

Cemitério de Santa Cruz do CapibaribeCemitério de Santa Cruz do Capibaribe - Foto: Google Maps

Um jovem de 22 anos foi assassinado dentro do Cemitério Municipal São Judas Tadeu, em Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste. Segundo a polícia, Gleison Lacerda de Menezes era ex-presidiário por roubo.

Ele foi atingido por vários disparos. A polícia acredita que ele utilizou o local para consumir drogas. A autoria e a motivação do crime ainda não foram esclarecidas. O corpo de Gleison foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Caruaru.

Veja também

Conselho de Enfermagem apura denúncias de fraude na vacinação em São Paulo
Coronavirus

Conselho de Enfermagem apura denúncias de fraude na vacinação em São Paulo

Supremo decide manter em Brasília casos de Lula retirados da Lava Jato de Curitiba
STF

Supremo decide manter em Brasília casos de Lula retirados da Lava Jato de Curitiba