Juiz proíbe Rodrigo Maia de concorrer à presidência da Câmara

Candidato terá que pagar multa de R$ 200 mil caso descumpra a decisão

Rodrigo MaiaRodrigo Maia - Foto: Agência Brasil

De acordo com o site O Antagonista, Rodrigo Maia está proibido de concorrer à reeleição para a presidência da Câmara. O juiz Eduardo Ribeiro de Oliveira, da 15a Vara Federal, em Brasília, acredita que a candidatura é um “ato potencialmente ofensivo à constituição”, determinando ainda que, em caso de descumprimento da ordem, Maia terá que pagar multa de R$ 200 mil. O deputado ainda pode recorrer da decisão, que deve ter a questão definitivamente resolvida no STF. 

Paracer do juiz Eduardo Ribeiro de Oliveira

Foto: Paracer do juiz Eduardo Ribeiro de Oliveira
Créditos: Reprodução/O Antagonista

Veja também

Menina morre asfixiada na Itália ao participar de desafio no TikTok
"Desafio do apagão"

Menina morre asfixiada na Itália ao participar de desafio no TikTok

Indígenas venezuelanos refugiados farão universidade no PA
Educação

Indígenas venezuelanos refugiados farão universidade no PA