Notícias

Juiz proíbe Rodrigo Maia de concorrer à presidência da Câmara

Candidato terá que pagar multa de R$ 200 mil caso descumpra a decisão

Rodrigo MaiaRodrigo Maia - Foto: Agência Brasil

De acordo com o site O Antagonista, Rodrigo Maia está proibido de concorrer à reeleição para a presidência da Câmara. O juiz Eduardo Ribeiro de Oliveira, da 15a Vara Federal, em Brasília, acredita que a candidatura é um “ato potencialmente ofensivo à constituição”, determinando ainda que, em caso de descumprimento da ordem, Maia terá que pagar multa de R$ 200 mil. O deputado ainda pode recorrer da decisão, que deve ter a questão definitivamente resolvida no STF. 

Paracer do juiz Eduardo Ribeiro de Oliveira

Foto: Paracer do juiz Eduardo Ribeiro de Oliveira
Créditos: Reprodução/O Antagonista

Veja também

Cidade ucraniana de Kharkiv 'desrrussifica' suas ruas
Guerra na Ucrânia

Cidade ucraniana de Kharkiv 'desrrussifica' suas ruas

Aliança Quad rejeita 'mudanças pela força', com a China na mira
China e Taiwan

Aliança Quad rejeita 'mudanças pela força', com a China na mira