Coreia do Norte

Kim Jong Un carrega caixão em funeral de importante militar que foi seu mentor

Agência de notícias norte-coreana divulgou fotos de Kim, sem máscara, carregando o caixão com um grupo de funcionários usando máscaras

Líder norte-coreano carregou caixão do mentorLíder norte-coreano carregou caixão do mentor - Foto: STR/KCNA/AFP

O líder norte-coreano Kim Jong Un compareceu, no domingo (22), ao funeral do marechal Hyon Chol Hae, que foi seu mentor, e carregou o caixão sem máscara, alguns dias depois de Pyongyang declarar o surto de Covid-19 sob controle.

O marechal Hyon é mencionado como uma figura crucial que o preparou para assumir o poder antes da morte de seu pai e antecessor Kim Jong Il em 2011.

A agência de notícias norte-coreana divulgou fotos de Kim, sem máscara, carregando o caixão com um grupo de funcionários usando máscaras.

O líder norte-coreano declarou a negligência dos funcionários públicos na resposta à Covid após o aparecimento dos primeiros casos em maio e afirmou que estava assumindo o controle do surto.

No fim de semana, a agência de notícias oficial KCNA afirmou que a epidemia está "sendo controlada de forma estável" e informou que o número de mortos "diminui drasticamente a cada dia".

Especialistas questionam os dados oficiais e o registro de casos, tendo em vista que o país tem um dos piores sistemas de saúde do mundo, não tem medicamentos nem meios para realizar testes em massa.

Veja também

Os possíveis candidatos para substituir Boris Johnson
Reino Unido

Os possíveis candidatos para substituir Boris Johnson

Boris Johnson, três anos turbulentos no poder
Reino Unido

Boris Johnson, três anos turbulentos no poder