Notícias

Lula ainda é forte, mas não mete medo

Jair Bolsonaro e Ciro Gomes podem crescer no vácuo da oposição como candidatos a presidente da República em 2018

Inaldo SampaioInaldo Sampaio - Foto: Colunista

Pesquisa do MDA encomendada pela CNT aponta o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva liderando as intenções de voto à sucessão de Michel Temer tanto no primeiro como no segundo turnos. Os números deixaram os petistas animados porque o partido vive uma grave crise de imagem desde o episódio do mensalão e o seu maior líder é réu na Operação Lava Jato. No entanto, ainda é cedo para “cantar vitória” em 2018 por um conjunto de razões. Primeira, não se sabe sequer quem estará no páreo naquela eleição. Lula terá sido condenado ou absolvido? Se a condenação for por órgão colegiado, ele será enquadrado na Lei da Ficha Limpa. Segunda, o candidato do PSDB será Aécio Neves ou Geraldo Alckmin? Se for este último, a parada será bem mais dura (para o PT). Terceira, Jair Bolsonaro e Ciro Gomes podem crescer no vácuo da oposição. Ma tudo isso são conjecturas porque o quadro só vai clarear a partir de junho de 2018.

Jair Bolsonaro e Ciro Gomes podem crescer no vácuo da oposição como candidatos a presidente da República em 2018

Aprovação e rejeição
Como político mais conhecido do Brasil, é natural que Lula tenha aparecido na pesquisa da CNT (Confederação Nacional do Transporte) com 30,5% de intenções de voto. Afinal, ele disputou cinco eleições seguidas (1989, 1994, 1998, 2002 e 2006), tendo perdido as três primeiras e vencido as duas últimas. E entregou o governo a Dilma em 1º de janeiro de 2011 com cerca de 90% de aprovação.

Suplência > A votação obtida por Albérisson Carlos em 2106 como candidato a vereador no Recife pelo PSDB/PSL (4.295 votos) é o que o anima a disputar uma vaga em 2018 na Alepe, embora ele negue. O presidente da Associação de Cabos e Soldados obteve mais votos que o eleito pelo PEN Benjamin da Saúde (3.772).
Noventão > Muitos ex-assessores de Germano Coelho assistiram ontem à missa em ação de graças pelos seus 90 anos no Convento de Santa Teresa, em Olinda, de onde ele foi prefeito duas vezes.
Aula > Marcos Antonio Rios da Nóbrega, professor da Faculdade de Direito da UFPE, voltou recentemente da Europa onde proferiu aulas sobre Direito de Infraestrutura em Lisboa, Londres e Berlim.

Perfil > Carlos Velloso, novo ministro da Justiça, foi o relator no STF do “Processo dos Precatórios, do qual mandou excluir Miguel Arraes e Eduardo Campos por absoluta falta de “justa causa”.
Bloco > Chefe de gabinete do ex-deputado Ranilson Ramos na Assembleia Legislativa, Danilo Mororó resolveu mostrar este ano o seu lado “compositor”. Fez letra e música do bloco “A anágua da mamãe”, que sairá pela primeira vez, amanhã, a partir das 13h, do restaurante Antiquárius (Rua do Cupim).
Benvinda! > Natural de Sertânia, o deputado Gonzaga Patriota (PSB) estará lá, na manhã deste sábado (18), para esperar a chegada da água do São Francisco, que cruzará a fronteira do município em direção a Monteiro (PB). Patriota costuma dizer que nasceu em Sertânia, cresceu em Salgueiro e “virou gente” em Petrolina.
Quem são? > André Fufuca (PP-MA), o deputado que derrotou Eduardo da Fonte (PP-PE) na disputa pela 2ª vice-presidência da Câmara Federal, é médico e se elegeu deputado estadual pelo PSDB em 2010 com 21 anos de idade. Já João Henrique Caldas (PSB-AL), que derrotou João Fernando Coutinho (PSB-PE) na briga pela 3ª secretaria, foi prefeito de Ibateguara (AL) e está na Câmara Federal desde 2003, já tendo pertencido ao PMDB, PMN, PL e PSDB.


Veja também

Marinha localiza corpos de dois tripulantes de navio que naufragou em direção a Noronha
Thais IV

Marinha localiza 2 corpos de tripulantes de navio que seguia para Noronha

Fiocruz reafirma importância de atividades presenciais nas escolas
Educação

Fiocruz reafirma importância de atividades presenciais nas escolas