Marília Mendonça é destaque desta quarta de quarentena

Cantora prometeu show que será transmitido via streaming no seu canal no Youtube

Marília MendonçaMarília Mendonça - Foto: Reprodução / Instagram

Com o avanço do coronavírus, as atividades culturais estão suspensas de modo geral. Neste cenário, artistas e produtores estão fazendo shows caseiros transmitidos nas redes sociais, estreias de cinema migraram para o streaming, canais de TV abriram seus sinais, museus promovem visitas virtuais e vídeos de espetáculos de dança e de teatro foram disponibilizados na internet.

Para melhorar sua quarentena, preparamos uma lista de conteúdos para serem consumidos em casa nesta quarta (8).

SHOW

Marília Mendonça prometeu para esta quarta, às 20h, um show a ser exibido via streaming no seu canal no Youtube. "Chamando todos os cornos! A Rainha da Sofrência vai dar uma força para sua quarentena ser mais legal", diz a propaganda da apresentação na internet.



 

Leia também:

Lives superproduzidas divertem o público, mas geram polêmicas
Do Fado ao Frevo: Festival 'Palco em Casa' conecta Brasil e Portugal 
Festival Fico Em Casa BR: de Paula Fernandes a IRA! 

MÚSICA ERUDITA

A violoncelista americana Alisa Weilerstein disse há três semanas que, "nesta situação surreal", ela queria encontrar um jeito de continuar se comunicando com o público por meio da música. Ela anunciou então que nos 36 dias seguintes se dedicaria a todos os 36 movimentos das seis suítes para violoncelo de Bach. Todo dia Weilerstein publica um movimento em sua página no Facebook. Nesta quarta ela chega ao 23o. É sempre entre 14h e 17h. Vale a pena acompanhar.

TEATRO

Toda quarta-feira, às 20h, Carolina Ferraz e Otavio Martins apresentam leituras de peças para dois atores no instagram dela. Nesta quarta, eles leem "Buenos Aires", de Alex Gruli. O texto é sobre dois desconhecidos que se encontram no alto de um prédio para acompanhar o fim do mundo. Para a semana, está programado "Pandemônio", um texto inédito do autor de novelas Alessandro Marson, que versará sobre a pandemia do Covid-19.

ARTES VISUAIS

O Museu Reina Sofia, em Madri, está de portas fechadas por causa da pandemia, mas disponibilizou um projeto online, so qual se destaca uma série de entrevistas com artistas mulheres que despontaram entre os anos 1960 e 1970. Elas falam sobre a conquista de espaço em um universo dominado por homens e também sobre linguagem e seus trabalhos. Para o mesmo site, o museu desenvolveu uma rica documentação sobre o famoso quadro "Guernica", em que Pablo Picasso retrata a o massacre de um povoado durante a Guerra Civil Espanhola, nos anos 1930.


 

Veja também

América Latina e Caribe têm mais de meio milhão de mortos por Covid-19, aponta AFP
PANDEMIA

América Latina e Caribe têm mais de meio milhão de mortos por Covid-19, aponta AFP

Saber lidar com as emoções nos momentos de pressão ajuda a manter bom rendimento
Vida Plena

Saber lidar com as emoções nos momentos de pressão ajuda a manter bom rendimento