A Costureira e o Cangaceiro

Marjorie Estiano grava “A Costureira e o Cangaceiro” no Palácio das Princesas

Patrícia Andrade, parceira do cineasta Breno Silveira, está no Recife acompanhando gravações

Ministro das Cidades, Bruno AraújoMinistro das Cidades, Bruno Araújo - Foto: Arthur Mota/Folha de Pernambuco

O Palácio do Campo das Princesas também será cenário para “A Costureira e o Cangaceiro”, filme dirigido por Breno Silveira, que estreia no começo de 2017 e, depois, vai virar minisérie na Rede Globo, no núcleo de Guel Arraes. Neste sábado (29), foram gravadas algumas cenas no lendário quarto de Agamenon Magalhães, ambiente do Palácio fechado ao público e que será mostrado pela primeira vez na TV e no cinema.

A atriz Marjorie Estiano é uma das protagonistas que participaram das filmagens no local, que foram acompanhadas pela premiada roteirista Patrícia Andrade, parceira do cineasta Breno em filmes como “2 Filhos de Francisco” e “Gonzaga, de Pai para Filho”.

A roteirista Patrícia Andrade, Mônica e o cineasta Breno Silveira

Foto: A roteirista Patrícia Andrade, Mônica e o cineasta Breno Silveira
Créditos: Cortesia

“A Costureira e o Cangaceiro” conta a história de duas irmãs (Nanda Costa e Marjorie) que tiveram destinos bem diferentes no Recife dos anos 30. A primeira, “sequestrada” pelo Cangaço, torna-se Maria Bonita. A segunda, por sua vez, vira uma baronesa do açúcar, que tem o Palácio como residência. O filme tem produção de Mônica Silveira.

Veja também

Acidentes de trânsito poderão ser reportados pelo site da CTTU
recife

Acidentes de trânsito poderão ser reportados pelo site da CTTU

Sisu: inscritos podem conferir se foram selecionados
educação

Sisu: inscritos podem conferir se foram selecionados