Notícias

MEC libera R$ 364 milhões para alimentação escolar em todo o país

Valor referente à parcela de maio foi antecipado por causa da covid-19

Merenda escolarMerenda escolar - Foto: ANF

O Ministério da Educação (MEC) informou, nesta quarta-feira (29) que foram liberados antecipadamente R$ 364,4 milhões para estados e muncípios aplicarem na alimentação escolar durante a pandemia do novo coronavírus. Os recursos são do Fundo Nacional do Desenvolvimento da Educação (FNDE). O valor é referente à parcela do mês de maio destinada às unidades da federação.

De acordo com as orientações do FNDE, devido à suspensão das aulas por causa da covid-19, a distribuição de alimentos tem de ser feita por meio de kits, que devem ser elaborados conforme as regras do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae), levando-se em conta os hábitos alimentares de cada região e a qualidade nutricional.

Leia também:
STF abre inquérito contra ministro da Educação por suposto racismo
Inep prorroga prazo para participação em Censo da Educação Superior


O Pnae oferece alimentação a cerca de 40 milhões de estudantes da educação básica pública em todo o país diariamente. Desde o início do ano, R$ 1,4 bilhão do programa foram destinados a estados e municípios.

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

 

Veja também

Contágios da varíola do macaco geram preocupação na Europa
Saúde

Contágios da varíola do macaco geram preocupação na Europa

Paulista realiza vacinação contra a Covid-19 em seis polos neste sábado
Saúde

Paulista realiza vacinação contra a Covid-19 em seis polos neste sábado