A-A+

Pandemia

Média móvel de casos de Covid-19 em Pernambuco tem maior queda em nove meses

Teste de Covid-19Teste de Covid-19 - Foto: Miva Filho/SES-PE

A pandemia de Covid-19 segue em tendência de queda em Pernambuco. Levando em consideração os últimos 15 dias, as médias móveis de casos e mortes provocadas pela doença caíram, respectivamente, 42,2% e 28,9%.

As maiores reduções na média de casos em nove meses, quando foi verificada uma queda de 42,9% de 30 de agosto a 12 de setembro, e na média de óbitos desde fevereiro deste ano, quando houve uma diminuição de 30,9% entre as semanas dos dias 14 e 21 daquele mês.

De acordo com dados das secretarias estaduais de Saúde (SES) e Planejamento (Seplag), na semana 26, que compreende o período entre os dias 20 e 26 de junho, os boletins emitidos diariamente pela SES registraram 9.983 novos casos e 310 mortes, o que dá uma média de 1.426,1 diagnósticos e 44,2 óbitos por dia.

Já na semana 25, que vai de 13 a 19 do mês passado, foram 17.286 confirmações de infecção e 436 mortes. Isso resultou em médias móveis de 2.469,4 e 62,2, respectivamente.

De domingo passado (27) até esta quinta-feira (1º), foram registrados 6.599 casos e 194 mortes, números que correspondem, respectivamente, a 46% e 51% dos registros de infecções e óbitos da semana anterior. A média móvel, por enquanto, é de 1.319,8 casos e 38,8 mortes.

Caso se confirme essa tendência, as reduções serão de 7,4% na média de casos e 12,2% na de mortes, o que indicaria estabilidade, já que estariam dentro do limite de 15% para mais ou para menos.

 

Veja também

Aos 83 anos, morre o arquiteto Ruy Ohtake, filho da artista Tomie Ohtake
Luto

Aos 83 anos, morre o arquiteto Ruy Ohtake, filho da artista Tomie Ohtake

Ensino a distância conquista adeptos e aumenta após fim de restrições
Educação

Ensino a distância conquista adeptos e aumenta após fim de restrições