Milhares de pessoas esperadas no Morro da Conceição

Homenagens à santa se intensificam com a aproximação da sua data, 8 de dezembro

"O Poder da Corrupção nas Democracias Contemporâneas" "O Poder da Corrupção nas Democracias Contemporâneas"  - Foto: Divulgação

 

O fim de semana segue com homenagens a Nossa Senhora da Conceição. Em sua 112ª edição, a Festa do Morro da Conceição conta com esquemas especiais de trânsito, além de reforço nas linhas de ônibus. Neste sábado (3), seis missas marcam o quinto dia do novenário. A celebração fica por conta do pároco de Garanhuns, padre Francisco. No domingo (4), a tarefa é do padre Luciano Brito, de Boa Viagem. Milhares de visitantes são esperados.

No total, 12 linhas de ônibus, sendo três bacuraus, têm o número de veículos ampliados. A prefeitura deu início ao monitoramento de trânsito e bloqueios de vias e ao esquema especial de organização dos espaços públicos e do comércio informal. No pacote também estão ações de conscientização sobre os riscos do uso e abuso de drogas e de combate à violência de gênero. Os bloqueios serão montados das 18h à 1h nos cruzamentos do largo Dom Luiz com a avenida Norte e com a rua 2 de Fevereiro, além de toda a rua Itacoatiara, que dá acesso à subida do morro.

Essa é a primeira edição da Festa desde que o local foi elevado à categoria de Santuário. Ao todo são 47 missas, tributos, louvores, novenários e shows religiosos. “É um encontro de fé, para reunir irmãos em louvor a Deus e a Nossa Senhora. Todos são bem-vindos”, explica o padre Renato Azevedo. Na programação deste sábado, a procissão do Terço dos Homens sai às 18h, sendo acompanhada por batedores e uma viatura da CTTU. Conforme a companhia, os bloqueios são realizados à medida em que os fiéis deixam a rua da Harmonia, na altura da igreja homônima, em direção ao Morro da Conceição, passando pela avenida Norte.

 

Veja também

Professora da Unicap é acusada de racismo
Racismo

Professora da Unicap é acusada de racismo

Homem é condenado a pagar 15 salários mínimos por maltratar cães em MG
animais

Homem é condenado a pagar 15 salários mínimos por maltratar cães em MG