Protestos

Milhares de pessoas protestam em cidades europeias contra guerra na Ucrânia

Em Londres, capital do Reino Unido, centenas de pessoas se reuniram para pedir o fim da invasão russa na Ucrânia e rezar pela paz

Manifestantes contra a guerra da UcrâniaManifestantes contra a guerra da Ucrânia - Foto: Sameer Al-DOUMY/AFP

Milhares de pessoas protestaram, neste sábado (5), em Londres, Paris, Roma e Zurique para pedir o fim da guerra na Ucrânia.

"Estaremos aqui todos os fins de semana, em Paris ou qualquer outro lugar, até que Putin vá embora, retire seus tanques", declarou à AFP Aline Le Bail-Kremer, integrante da 'Stand With Ukraine', uma das organizações que convocou a manifestação na capital francesa.

Em Londres, capital do Reino Unido, centenas de pessoas se reuniram para pedir o fim da invasão russa na Ucrânia e rezar pela paz.

Os manifestantes se concentraram em Trafalgar Square com bandeiras e cartazes com frases como "Putin mata" e "Embargo à Rússia".

Cartazes similares foram observados no centro de Roma, Itália, onde sindicatos e ONGs organizaram uma "manifestação pela paz". 

Em Zurique, maior cidade da Suíça, 40.000 pessoas pediram a retirada das tropas russas da Ucrânia, segundo a agência de notícias ATS. 

Desde o início da ofensiva russa na Ucrânia em 24 de fevereiro, as manifestações contra a guerra são cada vez maiores ao redor do mundo.

Veja também

Jornalista divulga pesquisa sobre filho bastardo do imperador Pedro I
história

Jornalista divulga pesquisa sobre filho bastardo do imperador Pedro I; confira detalhes

Justiça nega habeas corpus para o modelo Bruno Krupp
acidente

Justiça nega habeas corpus para o modelo Bruno Krupp