Ilha de Marajó

Ministério dos Direitos Humanos alerta para fake news sobre Marajó

Notícias falsas falam sobre cancelamento de ações do governo

MarajóMarajó - Foto: Reprodução/Internet

O Ministério dos Direitos Humanos e da Cidadania divulgou nota nesta sexta-feira (23) em que alerta para divulgação e compartilhamento de fake news sobre cancelamento de ações e projetos do governo federal na Ilha do Marajó, no Pará.  

De acordo com a pasta, em maio de 2023, foi criado o Programa Cidadania Marajó, com recursos para o combate à violência de crianças e adolescentes e promoção de direitos humanos e acesso apolíticas públicas. 

"É preciso inverter lógica assistencialista e modos de vida da população do Marajó. Possuímos o compromisso de não associar imagens de vulnerabilidade socioeconômica ou do próprio modo de vida das populações do Marajó, em especial, crianças e adolescentes, ao contexto de exploração sexual", diz nota do ministério. 

O ministro Silvio Almeida divulgou vídeo condenando a divulgação das falsas informações. 

Veja também

Nova espécie de dinossauro encontrada na Bahia é batizada em homenagem a Tieta
HISTÓRIA

Nova espécie de dinossauro encontrada na Bahia é batizada em homenagem a Tieta

Campanha usa título de eleitor gigante para chamar jovens para votar
VOTO

Campanha usa título de eleitor gigante para chamar jovens para votar

Newsletter