Morre Hélio Eichbauer, importante cenógrafo da MPB

Hélio assinou as cenografias dos shows "Ofertório", de Caetano com os filhos, e "Caravanas", de Chico

Quando completou 40 anos de carreira, em 2006, Hélio foi homenageado com uma bela exposição no Centro Cultural dos CorreiosQuando completou 40 anos de carreira, em 2006, Hélio foi homenageado com uma bela exposição no Centro Cultural dos Correios - Foto: Divulgação

O cenógrafo Hélio Eichbauer morreu neste sábado (21), aos 76 anos, no Rio de Janeiro, vítima de um enfarte. Um dos seus trabalhos mais famosos foi a visualidade de 'O Rei da Vela', de 1967, tem reconhecida contribuição na arte brasileira e na parceria com artistas como Glauber Rocha, Zé Celso, Caetano Veloso e Chico Buarque. Hélio era professor de cenografia da Escola de Belas Artes da Universidade Federal do Rio de Janeiro. São dele as cenografias dos shows "Ofertório", de Caetano com os filhos, e "Caravanas", de Chico. Também trabalhou com outros nomes como Gal Costa, Marisa Monte Diogo Nogueira e Adriana Calcanhoto. Eichbauer era casado com Dedé Gadelha Veloso, primeira esposa de Caetano e mãe de Moreno Veloso.

Muitos artistas lamentaram a morte de Hélio, entre eles, Silvia Buarque, Paula Lavigne, Caetano Veloso, Otto, Lillia Cabral, entre outros. "Ninguém era mais elegante, inteligente e de bom gosto do que ele. Mestre Hélio Eichbauer descanse em paz. Você vai fazer muta falta  a nós e a arte brasileira", escreveu a mulher de Caetano, Paula Lavigne.  

Veja também

Fósseis de misteriosos seres humanos arcaicos são encontrados em Israel
ARQUEOLOGIA

Fósseis de misteriosos seres humanos arcaicos são encontrados em Israel

Polícia prende duas pessoas sob suspeita de ajudarem 'serial killer do DF' a escapar
serial killer

Polícia prende duas pessoas sob suspeita de ajudarem 'serial killer do DF' a escapar