Violência

Morre terceira vítima de tiroteio entre major da PM e policial penal em bar no Recife

Idoso de 70 anos estava internado no HR desde o sábado, dia da discussão

Hospital da Restauração (HR)Hospital da Restauração (HR) - Foto: Paullo Allmeida/ Folha de Pernambuco

Morreu no Hospital da Restauração, no bairro do Derby, área central do Recife, a terceira vítima de um tiroteio entre um major da Polícia Militar e um policial penal, que ocorreu no último sábado (5), em um bar em Boa Viagem, na Zona Sul da capital pernambucana. 

George Mauro de Carvalho Vasconcelos, de 70 anos, faleceu por volta das 19h dessa quarta-feira (9). O hospital confirmou a morte nesta quinta-feira (10). A vítima estava em estado grave e internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Ele havia passado por neurocirurgia. 
 

Além de George, outras duas vítimas morreram no dia da discussão no bar. Ekel de Castro Pires, de 62 anos, e Cláudio Bezerra Bandeira de Melo Sobrinho, de 57 anos.

O policial militar José Dinamérico Barbosa da Silva e o policial penal Ricardo de Queiroz Costa tiveram suas prisões preventivas decretadas pelo Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) e seguem internados em hospitais particulares do Recife sob custódia policial.

O tiroteio teria começado com uma discussão entre os dois policiais, que sacaram suas armas de fogo e efeturaram vários disparos no local. Além de ter causado três mortes e ter deixado os dois policiais feridos, feriu mais duas pessoas, que também seguem internadas em hospitais do Recife.

Veja também

Carrefour anuncia fundo de R$ 25 milhões para combate ao racismo no país
Beto Freitas

Carrefour anuncia fundo de R$ 25 milhões para combate ao racismo no país

Estudo da Coronavac no Brasil chega à fase final com número mínimo de infectados
vacina

Estudo da Coronavac no Brasil chega à fase final com número mínimo de infectados