Motorista do Uber tem carro baleado e passageiros ficam feridos na Iputinga

Foram efetuados seis disparos, mas apenas dois atingiram o veículo. Crime aconteceu na madrugada desta terça

Três Anúncios para um Crime Três Anúncios para um Crime  - Foto: Internet/Reprodução

Um motorista do Uber teve o carro baleado, na madrugada desta terça-feira (4), na Comunidade do Detran, no bairro da Iputinga, na Zona Oeste do Recife. O condutor, que teve a identidade preservada, relatou aos policiais militares do 13º Batalhão que iria deixar, no local, quatro passageiros, sendo duas mulheres e dois homens, quando foi recebido a tiros. Um dos casais que estava no veículo, um Voyage de cor preta, ficou ferido.

Ao todo, foram efetuados seis disparos, mas apenas dois atingiram o vidro traseiro do lado direito do carro, que tinha película fumê. Após o atentado, o motorista acelerou o carro e fugiu do local. Ele, inclusive, realizou o socorro de um dos passageiros. Uma das mulheres foi atingida de raspão no rosto e não precisou de atendimento. Já um dos homens foi baleado no ombro e levado, pelo motorista, para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Caxangá.

Segundo o condutor, os dois casais teriam solicitado a corrida na avenida Conde da Boa Vista, nas imediações do shopping, na área Central da capital pernambucana, no final da noite da última segunda (3). O caso foi registrado no posto policial da UPA e repassado para o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), que realizou as primeiras investigações. O caso, no entanto, deverá ser investigado pela delegacia local.

De acordo com um dos membros do movimento Pró-Uber, Alexandre Souza, a polícia trabalha com a hipótese de que o crime tenha relação com a disputa pelo tráfico de drogas. "Não foi uma emboscada, não. A polícia acredita em guerra de tráfico de drogas. O veículo era de cor preta, os vidros estavam levantados e com revestimento fumê. Os atiradores podem ter confundido o carro como uma viatura policial descaracterizada", comentou Alexandre Souza.

Após o ocorrido, o movimento passou a orientar que os motoristas devem adotar medidas de precaução. "Estamos orientando, agora, os motoristas do Uber que, quando as corridas forem solicitadas para locais de alto risco, eles abaixem os vidros, acendam a luz interna do veículo e liguem o alerta. Isso vai facilitar a identificação do trabalhador e vai evitar que casos assim se repitam", revelou Alexandre, que garantiu que o acontecido não tem relação com a disputa entre taxistas e motoristas do Uber.

Veja também

Sikêra Júnior diz que pediu para morrer no 14º dia doente
Covid-19

Sikêra Júnior diz que pediu para morrer no 14º dia doente

Praias de Ipojuca ficarão abertas das 4h às 16h para práticas esportivas individuais
IPOJUCA

Praias abertas das 4h às 16h para práticas esportivas individuais