Mulher é assassinada com 28 tiros em Altinho

Vítima é a ex-presidiária Emilda Maria Alves, conhecida como Nildão, de 29 anos. Autoria e motivação do crime são desconhecidas

Dois tiros atingiram professor, em assalto no Rio de JaneiroDois tiros atingiram professor, em assalto no Rio de Janeiro - Foto: Divulgação

Uma mulher foi morta a tiros no Loteamento Novo Altinho, em Altinho, no Agreste pernambucano. A vítima, a ex-presidiária Emilda Maria Alves, conhecida como “Nildão”, 29 anos, foi atingida por 28 tiros.

Testemunhas informaram que a vítima estava em casa quando dois indivíduos desconhecidos chegaram em uma motocicleta e efetuaram vários disparos de arma de fogo contra ela. O caso aconteceu por volta das 15h30 do último sábado (28).

Até o momento, a autoria e motivação do delito são desconhecidas. O corpo foi encaminhado para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru.

Veja também

Mariana: pesquisadores encontram metais tóxicos em peixes do Rio Doce
Mariana

Mariana: pesquisadores encontram metais tóxicos em peixes do Rio Doce

Total de mortos por Covid-19 no mundo passa de 3 milhões
Coronavírus

Total de mortos por Covid-19 no mundo passa de 3 milhões; pandemia está em 'ponto crítico', diz OMS