Após fim da trégua, duros combates e tiros de artilharia voltam a contecer em Aleppo

Desde 2012, cidade se encontra dividida entre as áreas dominadas pelo governo e pelos rebeldes

Trecho recuperado pelo DERTrecho recuperado pelo DER - Foto: Divulgação

Violentos combates entre as forças do governo sírio e os rebeldes eclodiram neste sábado (22) na cidade de Aleppo, no norte do país, pouco depois do fim de uma trégua decretada pela Rússia - informou o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

Tiros de artilharia e duros confrontos foram registrados em vários bairros ao longo da linha de frente da cidade. Desde 2012, Aleppo se encontra dividida entre as áreas dominadas pelo governo do presidente Bashar al-Assad, a oeste, e aquelas controladas pelos rebeldes, a leste, acrescentou o OSDH.

Um correspondente da AFP na parte rebelde também informou sobre disparos e barulho de artilharia. A "pausa humanitária" decretada por Moscou, que bombardeou Aleppo ao lado do governo sírio nas últimas semanas, terminou às 19h (14h, horário de Brasília) deste sábado.

Veja também

Covid-19: testes devem ter papel maior nas viagens internacionais
Coronavírus

Covid-19: testes devem ter papel maior nas viagens internacionais

Áustria instaura toque de recolher a partir de terça-feira e fecha hotéis e restaurantes
Pandemia

Áustria instaura toque de recolher a partir de terça-feira e fecha hotéis e restaurantes