Ataque a mesquita em Québec deixa ao menos 6 mortos e 8 feridos

O primeiro-ministro do país, Justin Trudeau, classificou o ato como "terrorista"

Tiroteio deixou 6 mortos no Canadá Tiroteio deixou 6 mortos no Canadá  - Foto: Alice Chiche / AFP

Um ataque a tiros na noite deste domingo (29) em uma mesquita em Québec, no Canadá, deixou ao menos seis pessoas mortas e oito feridas. O primeiro-ministro do país, Justin Trudeau, classificou o ato como "terrorista".

Christine Coulombe, porta-voz da polícia local, afirmou em uma entrevista coletiva que as vítimas têm entre 35 e 70 anos e que dois suspeitos foram detidos após o ataque.
As autoridades não descartam a possibilidade de um terceiro suspeito, que teria conseguido fugir do local.

O motivo do ataque ainda não foi determinado. A polícia iniciou uma vasta operação após tiroteio, que aconteceu durante a oração noturna.

De acordo com testemunhas, dois homens com máscaras entraram na mesquita por volta das 19h15 de domingo (22h15 de Brasília).

O primeiro-ministro de Quebec, Philippe Couillard, escreveu no Twitter que o governo está "mobilizado para garantir a segurança da população".

A mesquita de Quebec já havia sido alvo de um ataque de ódio: uma cabeça de porco foi deixada diante da porta do templo durante o Ramadã, em junho do ano passado.
Outras mesquitas do Canadá foram alvos de frases racistas nos últimos meses.

Veja também

EUA não suspenderão proibições a viagens, apesar do anúncio de Trump, diz porta-voz de Biden
Pandemia

EUA não suspenderão proibições a viagens, apesar do anúncio de Trump, diz porta-voz de Biden

Oxigênio enviado a Manaus pela Venezuela cruza fronteira com o Brasil
Solidariedade

Oxigênio enviado a Manaus pela Venezuela cruza fronteira com o Brasil