Bomba da II Guerra Mundial encontrada em Hong Kong

Durante a Segunda Guerra Mundial, Hong Kong foi cenário de combates violentos entre o Japão e as forças aliadas, em particular entre a invasão japonesa de dezembro de 1941 e a libertação da cidade, em 1945

Peritos inspecionam bomba achada em Hong KongPeritos inspecionam bomba achada em Hong Kong - Foto: Anthony Wallace/AFP

Centenas de pessoas foram retiradas de uma área de Hong Kong após a descoberta de uma bomba da Segunda Guerra Mundial durante obras no metrô. A polícia instalou um perímetro de segurança e retirou 1.200 pessoas que estavam nas lojas, restaurantes e prédios comerciais do bairro de negócios de Wanchai.

Uma equipe do esquadrão antibombas foi enviada ao local para tentar desenterrar e desativar a bomba de 450 quilos, de fabricação americana. A bomba foi localizada na quinta-feira (10), durante as obras de construção de uma nova estação de metrô. Outras duas bombas similares foram encontradas em janeiro.

Leia também:
Primeira Guerra Mundial é tema de livro lançado por Santiago Farrell
Número de mortos na guerra da Síria supera 350 mil
Chefe da CIA disse que Geisel assumiu controle sobre execuções sumárias na ditadura


"As duas bombas anteriores estavam na posição horizontal, mas esta se encontra na vertical. Dois terços da bomba estão enterrados. Temos que retirá-la parcialmente antes de começar as operações", disse Lai Ngo-yau, oficial do esquadrão antibombas. "A bomba não é estável e devemos ser prudentes", completou.

Durante a Segunda Guerra Mundial, Hong Kong foi cenário de combates violentos entre o Japão e as forças aliadas, em particular entre a invasão japonesa de dezembro de 1941 e a libertação da cidade, em 1945.

Veja também

Canadá reporta novo caso de coágulos sanguíneos após vacinação com AstraZeneca
Coronavírus

Canadá reporta novo caso de coágulos sanguíneos após vacinação com AstraZeneca

França: quarentena obrigatória para viajantes do Brasil
América Latina

França: quarentena obrigatória para viajantes do Brasil