Mundo

Caminhão-bomba mata 8 policiais no Sinai egípcio

Um suicida lançou seu caminhão repleto de explosivos contra um posto de controle na cidade de Al-Arish, no norte do Sinai

Projeto discutirdo na Câmara federal pode ser expandido pelo PaísProjeto discutirdo na Câmara federal pode ser expandido pelo País - Foto: Divulgação

Ao menos oito policiais morreram nesta segunda-feira (9) em um ataque com caminhão-bomba contra um posto de controle na península egípcia do Sinai (leste), informaram autoridades e meios de comunicação estatais.

Um suicida lançou seu caminhão repleto de explosivos contra um posto de controle na cidade de Al-Arish, no norte do Sinai, e homens abriram fogo posteriormente contra os policiais, indicaram autoridades deste corpo de segurança.

O jornal estatal Al Ahram indicou em sua versão eletrônica que oito pessoas ficaram feridas no ataque.

O posto de Al Arish e seus arredores foram alvos de muitos ataques reivindicados pela Província do Sinai, o braço egípcio do grupo extremista Estado Islâmico (EI).

Centenas de policiais e soldados morreram nestes atentados, segundo o governo.

O presidente egípcio, Abdel Fatah al-Sissi, que derrubou quando era chefe das Forças Armadas seu antecessor islamita Mohamed Mursi, em 2013, realiza uma repressão sangrenta contra qualquer oposição no Egito, tanto islamita quanto laica.

Veja também

Tornado deixa pelo menos um morto na Holanda
Fenômenos da natureza

Tornado deixa pelo menos um morto na Holanda

Biden e presidente chinês vão conversar nas "próximas semanas"
Mundo

Biden e presidente chinês vão conversar nas "próximas semanas"