Mundo

Cem mortos em quatro meses de protestos na Venezuela

O Ministério Público informou que um menor morreu na quinta-feira (20), nos distúrbios ocorridos em uma manifestação no setor de Pomon

Confronto em dia de greve na VenezuelaConfronto em dia de greve na Venezuela - Foto: AFP

A onda de protestos contra o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, deixa um total de cem ortos em quatro meses, depois da confirmação desta sexta-feira (210 pelas autoridades da morte de um menor de 15 anos.

O Ministério Público informou que o menor morreu na quinta-feira (20), nos distúrbios ocorridos em uma manifestação no setor de Pomona, estado de Zulia, durante a paralisação cívica convocada pela oposição em todo o país, em circunstâncias ainda não esclarecidas.

Veja também

Militares ucranianos de Azovstal receberam ordem de Kiev para deixar de combater
Ucrânia

Militares ucranianos de Azovstal receberam ordem de Kiev para deixar de combater

Rússia afirma que conquistou quase por completo a região de Lugansk
Guerra na Ucrânia

Rússia afirma que conquistou quase por completo a região de Lugansk