Mundo

Chefe da Defesa dos EUA é contra a mobilização de militares para conter protestos

"Eu não apoio o uso da Lei da Insurreição", disse Mark Esper

Protestos nos Estados Unidos Protestos nos Estados Unidos  - Foto: Roberto Schmidt / AFP

O secretário de Defesa dos Estados Unidos, Mark Esper, disse nesta quarta-feira que se opõe ao uso de uma lei que permite que os militares sejam mobilizados para impedir a onda de protestos contra o racismo e a brutalidade policial que abala o país.

"Eu não apoio o uso da Lei da Insurreição", disse Esper, dois dias depois que o presidente americano, Donald Trump, indicou que poderia usar os militares para reprimir as mobilizações.

Leia também:
Protestos se intensificam nos EUA em resposta a Trump
Trump anuncia mobilização de milhares de soldados 'armados' em Washington

Veja também

Vallourec anuncia 3.000 demissões no mundo e transferência de atividades ao Brasil
indústria

Vallourec anuncia 3.000 demissões no mundo e transferência de atividades ao Brasil

Opas registra 33 casos de misteriosa hepatite infantil nas Américas
Hepatite misteriosa

Opas registra 33 casos de misteriosa hepatite infantil nas Américas