Chefe da Defesa dos EUA é contra a mobilização de militares para conter protestos

"Eu não apoio o uso da Lei da Insurreição", disse Mark Esper

Protestos nos Estados Unidos Protestos nos Estados Unidos  - Foto: Roberto Schmidt / AFP

O secretário de Defesa dos Estados Unidos, Mark Esper, disse nesta quarta-feira que se opõe ao uso de uma lei que permite que os militares sejam mobilizados para impedir a onda de protestos contra o racismo e a brutalidade policial que abala o país.

"Eu não apoio o uso da Lei da Insurreição", disse Esper, dois dias depois que o presidente americano, Donald Trump, indicou que poderia usar os militares para reprimir as mobilizações.

Leia também:
Protestos se intensificam nos EUA em resposta a Trump
Trump anuncia mobilização de milhares de soldados 'armados' em Washington

Veja também

Policiais do Capitólio prendem homem que tentou passar por barreira
Capitólio

Policiais do Capitólio prendem homem que tentou passar por barreira

EUA realiza última execução do mandato de Trump
EUA

EUA realiza última execução do mandato de Trump