Cinquenta babuínos fogem de jaula no zoo de Paris

Os macacos permaneceram soltos por várias horas nesta sexta, mas quando um guarda advertiu sobre o acontecido, os animais foram rapidamente levados à jaula

Babuínos fugiram do zoológico de ParisBabuínos fugiram do zoológico de Paris - Foto: Thomas Samson/AFP

Três dos cerca de 50 babuínos que fugiram nesta sexta-feira (26) de sua jaula no zoológico de Paris seguem foragidos horas depois, embora já tenho sido restabelecida a ordem, indicou o parque. Todos os primatas retornaram a sua jaula, exceto "uma fêmea de idade avançada, uma fêmea jovem e um bebê", indicou Sophie Ferreira-Le Morvan, diretora adjunta do Museu Nacional de História Natural.

Estavam na zona do "grande penhasco", situado no centro do parque e inacessível ao público. Os três babuínos estão "sob vigilância", indicou a responsável, e o zoológico não voltará a abrir até que sejam encontrados.

Leia também:
Bebê preguiça é 'moradora especial' em zoológico de pássaros nos EUA


Os macacos permaneceram soltos por várias horas nesta sexta, mas quando um guarda advertiu sobre o acontecido, os animais foram rapidamente levados à jaula. "Imediatamente" os procedimentos de segurança foram ativados, com um total de 60 bombeiros, 20 policiais e toda a equipe do zoológico mobilizados para recuperar os animais. Os visitantes foram evacuados de forma preventiva.

Os animais não "entraram em contato" com as zonas destinadas ao público nem com a equipe, indicou à AFP um responsável do zoológico. Em 24 de novembro, um tigre de 200 quilos escapou de um circo semeando o pânico na parte oeste de Paris. O tigre foi abatido por seu proprietário.

Veja também

Bolsa encosta em 100 mil pontos e fecha no maior nível em quatro meses
BOLSA DE VALORES

Bolsa encosta em 100 mil pontos e fecha no maior nível em quatro meses

Dupla explosão deixa seis feridos em fábrica de fogos de artifício na China
China

Dupla explosão deixa seis feridos em fábrica de fogos de artifício na China