Londres

Conservadores britânicos sofrem revés nas eleições locais

Os primeiros resultados de sexta-feira já apontavam para a maior derrota sofrida em 40 anos nas eleições locais dos conservadores

Prefeito de Londes Sadiq Khan foi amplamente reeleito para um terceiro mandatoPrefeito de Londes Sadiq Khan foi amplamente reeleito para um terceiro mandato - Foto: Steve Punter / Wikimedia Commons

Os conservadores britânicos sofreram um revés nas eleições locais, que culminaram com a reeleição, neste sábado (4), de Sadiq Khan, do Partido Trabalhista, como prefeito de Londres e colocaram o primeiro-ministro Rishi Sunak contra as cordas, poucos meses antes das eleições nacionais.

Khan foi amplamente reeleito para um terceiro mandato, uma situação sem precedentes na capital britânica, segundo a contagem de votos revelada pela imprensa.

Os primeiros resultados de sexta-feira já apontavam para a maior derrota sofrida em 40 anos nas eleições locais dos conservadores, no poder no Reino Unido há 14 anos.

Além das eleições para eleger vereadores, prefeitos e outros cargos na Inglaterra e no País de Gales, houve eleições legislativas parciais, as quais os trabalhistas venceram, ocupando um novo assento dos conservadores no Palácio de Westminster.

Além de Londres, o Partido Trabalhista venceu até agora oito das onze eleições municipais realizadas em várias grandes cidades como Manchester, Liverpool, Leeds e Sheffield (South Yorkshire), assim como na aglomeração de York e North Yorkshire.

A grande vitória aumenta as esperanças do Partido Trabalhista de ver o seu líder, Keir Starmer, em Downing Street após as eleições gerais que Rishi Sunak pretende convocar antes do final do ano.

"Vamos virar a página do declínio e começar a renovação nacional com o Trabalhismo", declarou Starmer neste sábado em Mansfield, em East Midlands, onde celebrou a eleição da prefeita Clare Ward.

A recontagem continua nas disputadas West Midlands (Birmingham), mas por enquanto os conservadores se contentam com uma única vitória, a reeleição do prefeito de Tees Valley (leste), Ben Houchen, anunciada na sexta-feira.

Rishi Sunak o parabenizou, vendo isso como um sinal de que os conservadores ainda podem mudar a situação.

 

Veja também

México vai às urnas com duas candidatas favoritas à presidência
ELEIÇÕES

México vai às urnas com duas candidatas favoritas à presidência

Colisão entre aviões deixa um morto em desfile aéreo em Portugal
TRAGÉDIA

Colisão entre aviões deixa um morto em desfile aéreo em Portugal

Newsletter