Dois estudantes feridos em ataque a tiros em escola dos EUA

Um menino e uma menina receberam um disparo na cabeça e no punho, respectivamente,

Belmont High School, em Los AngelesBelmont High School, em Los Angeles - Foto: Google Street View

Dois estudantes de 15 anos foram atingidos por disparos nesta quinta-feira (1) enquanto assistiam a uma aula em Los Angeles, segundo várias testemunhas e meios de comunicação locais, no último ataque a tiros ocorrido em uma escola dos Estados Unidos. Um menino e uma menina receberam um disparo na cabeça e no punho, respectivamente, segundo informações na cena do crime.

A agência de notícias locais CNS assegurou que uma "mulher jovem", possivelmente uma colega de classe, foi presa.

Leia também:
Um morto em tiroteio em escola do Kentucky
Aluno ataca colegas com machado e fere 7 na Rússia


Um grupo de paramédicos que foi envidado ao Salvador Castro Middle School, na área central de Westlake às 15h00 (de Brasília), assegurou que os dois jovens foram levados ao hospital, ele em estado crítico e ela evoluindo favoravelmente. Uma mulher de 30 anos foi tratada com ferimentos menores, informou o Corpo de Bombeiros de Los Angeles.

A arma usada para disparar os tiros foi recuperada, de acordo com o Departamento de Polícia do Distrito Escolar Unificado de Los Angeles. O ataque a tiros aconteceu em uma aula do campus que o centro Salvador Castro divide com a Belmont High School, segundo um meio de comunicação local.

Veja também

Chilenos pausam protestos e vão às urnas em massa em plebiscito histórico
Plebiscito

Chilenos pausam protestos e vão às urnas em massa em plebiscito histórico

Piñera vota em plebiscito no Chile sobre mudança na Constituição
Chile

País sai às urnas neste domingo (25) para decidir sobre a elaboração de uma nova Constituição