Eleições EUA: personalidades se manifestam nas redes sociais sobre a vitória de Trump

Artistas, filósofos e políticos utilizaram a internet para registrar seu apreço ou tristeza com a vitória do republicano

Cantora Lady Gaga viralizou a frase "O amor supera o ódio"Cantora Lady Gaga viralizou a frase "O amor supera o ódio" - Foto: Reprodução/Instagram

Nas redes sociais, cantores, atores, políticos e pensadores registraram sua opinião sobre o resultado das urnas estadunidenses, divulgado na madrugada desta quarta-feira (9) - horário do Recife -, revelando a vitória do candidato republicano Donald Trump para a presidência dos Estados Unidos. O resultado surpreendeu muitas pessoas influentes ao redor do mundo, personalidades que torciam pela eleição da candidata democrata Hillary Clinton.

Leia mais:

Trump ganha eleições americanas e vira memes nas redes

A cantora Lady Gaga, que fez campanha para Hillary, deu visibilidade à frase que se tornou viral nesta quarta. “Love Trumps Hate” (o amor supera o ódio) estampava um cartaz que ela segurou no protesto que realizou, ainda durante a madrugada, na frente do edifício Trump Tower, em Nova York. A foto da artista com o cartaz foi postada em suas redes sociais e já soma mais de 300 mil curtidas no Instagram e mais de 33 mil retweets no Twitter.

A cantora teen Ariana Grande, eleita uma das 100 personalidades mais influentes do ano pela revista Time, acompanhou a contagem dos votos e lamentou a derrota de Hillary no Twitter. Jennifer Lopez postou uma imagem da candidata democrata no Instagram, citando uma das falas do discurso de Hillary sobre fé no futuro e na democracia. Poucas horas antes, em seu twitter, a cantora havia postado trechos de vídeos em apoio à candidata.

O Twitter também foi o reduto de outras cantoras, como Katy Perry, uma das artistas mais lucrativas de acordo com a revista Forbes. Ao longo do dia, ela usou a rede para pedir que aos cidadãos que não se deixem levar pelo ódio. “Fight for what is right” (Lutem pelo que é certo), pediu. Considerada a deusa do pop, a cantora Cher disse, através da mesma rede social, que se sente triste pelas novas gerações. Na rede, ela aproveitou e falou mal o novo presidente

Uma das celebridades que surpreendeu os fãs com seus posts sobre a eleição foi a rapper Azealia Banks. No seu Facebook, ela defendeu Trump e falou mal de Hillary. “A América merece uma primeira mulher presidente muito melhor que o lixo burro da Hillary”, postou. No começo da noite desta quarta, ela pediu que 200 mil fãs dessem “unfollow” em seu Facebook sob a ameaça de não lançar novas músicas. A celebridade Tila Tequila utilizou o Twitter para manifestar alegria com a eleição de Trump. Entre seus tweets, polêmicas manifestações antissemitas e com teor racista.

Entre os brasileiros, o pensador político Olavo de Carvalho opinou sobre a candidatura de Trump no Facebook. “Trump e Putin vão restaurar a bipolaridade”, publicou. Outro palpite do filósofo é sobre uma união dos EUA com a Rússia. “Uma aliança EUA-Rússia, hoje uma possibilidade efetiva, será a maior força politico-militar que o mundo já viu.”

Também no Brasil, o político Jair Bolsonaro parabenizou Trump através do Twitter. O filósofo Luiz Felipe Pondé publicou um vídeo em que explica, de forma rápida, o motivo de Trump ter ganhado o pleito. “As pessoas reais não estão nem aí para discussões de classe, de gênero (...). As pessoas reais estão preocupadas com janta, escola de filho (...) e, incrivelmente, o Trump conseguiu falar com essas pessoas.”

Confira na nossa galeria algumas manifestações de personalidades nas redes sociais:

Veja também

A 8 dias da eleição, Senado dos EUA confirma juíza ultraconservadora para a Suprema Corte
internacional

A 8 dias da eleição, Senado dos EUA confirma juíza ultraconservadora para a Suprema Corte

Vacinação eficiente contra Covid vai depender de estatísticas, diz agência de saúde europeia
Coronavírus

Vacinação eficiente contra Covid vai depender de estatísticas, diz agência de saúde europeia