Enviado da ONU diz que é difícil retomar negociações sob bombardeios na Síria

"Não se pode chegar à paz na Síria pavimentando o caminho com bombas", disse representante

PassageirosPassageiros - Foto: Divulgação

O enviado especial da ONU para a Síria, Staffan de Mistura, afirmou nesta quinta-feira (29) após um encontro com o papa Francisco que "quando caem bombas por todas as partes é difícil retomar as negociações".

"Não se pode chegar à paz na Síria pavimentando o caminho com bombas", disse Mistura à AFP.

O enviado da ONU havia afirmado, no entanto, em 22 de setembro que esperava para as próximas semanas "negociações diretas" entre as partes na Síria.

Desde o dia 22 de setembro, de acordo com o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH), mais de 165 pessoas, em sua maioria civis, morreram nos bombardeios contra Aleppo, cidade que virou o símbolo do confronto entre o regime e os rebeldes.

A guerra na Síria deixou mais de 300.000 mortos desde 2011 e provocou a pior crise humanitária desde a Segunda Guerra Mundial.

Veja também

Pandemia de coronavírus na Europa está longe de terminar, diz agência de controle
Coronavírus

Pandemia de coronavírus na Europa está longe de terminar, diz agência de controle

Justiça libera livro de sobrinha sobre Trump, 'homem mais perigoso do mundo'
Trump

Justiça libera livro de sobrinha sobre Trump