Mundo

Equador classifica governo de Maduro como "irresponsável" e "desumano"

Há dois dias, o Equador anunciou também sua saída da Aliança Bolivariana para os Povos da Nossa América (ALBA) em resposta à crise humanitária na Venezuela

Presidente da Venezuela, Nicolás MaduroPresidente da Venezuela, Nicolás Maduro - Foto: Frederico Parra / AFP

O governo do Equador intensificou as críticas ao governo do presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, o qual descreveu como "irresponsável" e "desumano".  "(O Equador) está preocupado com a falta de vontade política do governo da Venezuela para buscar soluções democráticas ao problema gerado por uma administração irresponsável e desumana", informa uma nota de imprensa da Secretaria de Comunicação sobre protocolos migratórios.

As expressões são utilizadas pelo governo equatoriano para referir-se ao Executivo de Maduro, do qual se distanciou desde que o presidente Lenín Moreno assumiu o poder, rompendo a tradicional aliança do seu predecessor Rafael Correa.

Leia também:
Equador abre corredor humanitário para venezuelanos chegarem ao Peru
Êxodo venezuelano se aproxima de momento de crise como no Mediterrâneo, diz ONU


Há dois dias, o Equador anunciou também sua saída da Aliança Bolivariana para os Povos da Nossa América (ALBA) em resposta à crise humanitária na Venezuela. Então o governo de Moreno argumentou que queria "reforçar" com isso a busca de uma solução para o problema político na Venezuela e ao êxodo em massa de venezuelanos, muitos dos quais chegam ao Equador.

O Equador responsabiliza o governo de Maduro de não querer estabelecer um diálogo interno para que os venezuelanos resolvam entre eles mesmos e pela via democrática uma situação que causou esse êxodo.

Veja também

Militares ucranianos de Azovstal receberam ordem de Kiev para deixar de combater
Ucrânia

Militares ucranianos de Azovstal receberam ordem de Kiev para deixar de combater

Rússia afirma que conquistou quase por completo a região de Lugansk
Guerra na Ucrânia

Rússia afirma que conquistou quase por completo a região de Lugansk