Evo Morales anuncia que venceu no primeiro turno na Bolívia

Com mais de 98% da votação apurada, o partido de Morales tem 46,83% dos votos, em comparação com os 36,7% de Mesa

Evo Morales, presidente da BolíviaEvo Morales, presidente da Bolívia - Foto: AIZAR RALDES / AFP

O presidente boliviano Evo Morales anunciou nesta quinta-feira que venceu as eleições gerais no primeiro turno, obtendo mais de 10 pontos de diferença sobre o adversário Carlos Mesa, o que, de acordo com a lei, impossibilita o segundo turno.

"Boas notícias. Nós já vencemos no primeiro turno", disse Morales em entrevista coletiva, citando que no cálculo oficial - com mais de 98% da votação - seu partido tem 46,83% dos votos, em comparação com os 36,7% de Mesa.

Leia também:
Evo Morales lidera eleições na Bolívia, mas irá para segundo turno inédito
Resultados parciais de eleições na Bolívia provocam tensão no país

Na véspera, o oponente disse que não reconheceria os resultados do Supremo Tribunal Eleitoral, que ele acusa de ter manipulado os votos para favorecer o candidato oficial.

Mesa também anunciou a formação de uma "Coordenação de Defesa da Democracia", com o objetivo de pressionar para que haja um segundo turno.

O objetivo da aliança com os partidos da direita e líderes centristas é "conseguir que se cumpra a vontade popular de definir a eleição presidencial no segundo turno", destacou em uma nota publicada no Twitter.

Veja também

Papa Francisco condena o "vil sequestro" de 317 adolescentes na Nigéria
Sequestro

Papa Francisco condena o "vil sequestro" de 317 adolescentes na Nigéria

EUA autorizam uso emergencial de vacina da Johnson & Johnson
VACINA

EUA autorizam uso emergencial de vacina da Johnson & Johnson