Forças iraquianas isolam completamente Mossul

Cidade foi conquistada pelo Estado Islâmico em 2014

Inauguração do comitê do deputado Danilo Cabral (PSB)Inauguração do comitê do deputado Danilo Cabral (PSB) - Foto: Andréa Rêgo Barros/PSB

As forças iraquianas isolaram Mossul dos outros territórios controlados pelos extremistas do grupo Estado Islâmico (EI), afirmaram nesta quarta-feira (23) autoridades envolvidas na batalha pela reconquista da segunda maior cidade do Iraque.

A oeste da cidade, as forças paramilitares Hachd al-Chaabi ("Mobilização Popular") chegaram à rota que liga Tal Afar a Sinjar e encontraram as forças curdas no local, segundo essas autoridades, cortando assim as rotas de abastecimento entre Mossul e os territórios controlados pelo EI no leste da Síria.

"As tropas de Hashd cortaram a estrada de Tal Afar-Sinjar", que une Mossul com a Síria, anunciou nas redes sociais o comandante desta milícia xiita, Abu Mahdi al Mohandis.

Uma fonte de segurança curda disse à AFP que os homens de Hashd se reuniram com outras forças anti-EI, entre elas combatentes do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), em três localidades da zona.

As forças iraquianas lançaram em 17 de outubro uma ofensiva para retomar Mossul do EI, com a ajuda da coalizão internacional dirigida por Washington.

O EI conquistou esta cidade em junho de 2014, e a converteu em seu reduto.

Veja também

Bolsa se recupera e fecha no maior nível em quatro meses
BOLSA DE VALORES

Bolsa se recupera e fecha no maior nível em quatro meses

Médicos franceses relatam transmissão de coronavírus dentro do útero
Coronavírus

Médicos franceses relatam transmissão de coronavírus dentro do útero