Furacão Matthew leva empresas aéreas a cancelar voos entre Brasil e EUA

Viagens programadas para os dias 6 e 7 de outubro sofrerão alterações

Jorge VercilloJorge Vercillo - Foto: Thatiana Moraes/Divulgação

A aproximação do furacão Matthew no estado da Flórida, nos Estados Unidos, fez companhias aéreas cancelarem voos entre o Brasil e o país norte-americano. Considerado o mais intenso a atingir o Caribe na última década, o Matthew já deixou 25 mortos em sua passagem por Cuba, pela República Dominicana e o Haiti e segue em direção às Bahamas e à Flórida.

Em nota, a Latam informou que a chegada do furacão afetará voos com origem ou destino em Miami e Orlando entre quinta-feira (6) e sexta-feira (7). Os voos JJ8086 São Paulo-Orlando, JJ8094 São Paulo-Miami, JJ8090 São Paulo-Miami e JJ8095 Miami-São Paulo foram reprogramados e os voos JJ8087 Orlando-São Paulo e JJ8057 Miami-Rio de Janeiro foram cancelados.

A companhia informou que flexibilizará suas políticas comerciais para que os passageiros com viagens programadas para os dias 6 e 7 de outubro de ou para os destinos eventualmente afetados possam alterar os voos.

Aqueles que desejarem reagendar as viagens, podem entrar em contato com a central de vendas e serviços da Latam ou com qualquer loja da companhia. Além disso, a empresa pede que os passageiros com conexões para outras companhias aéreas verifiquem com antecedência a situação dos voos.

Em comunicado, a Azul Linhas Aéreas também informou que cancelará alguns de seus voos entre o Brasil e os Estados Unidos devido à chegada do furacão.

Os voos 8704 e 8705, que fariam as rotas São Paulo (Viracopos) - Fort Lauderdale (Miami) - São Paulo (Viracopos), serão cancelados hoje e amanhã. Também serão cancelados os voos 8706 e 8707, que fariam as rotas São Paulo (Viracopos) - Orlando - São Paulo (Viracopos) nesta sexta-feira (7).

Segundo a Azul, os clientes dos voos afetados serão informados e reacomodados em outros da companhia ou poderão solicitar reembolso integral dos bilhetes.

Veja também

Brasileira está entre as vítimas de atentado na França, informa Itamaraty
internacional

Brasileira está entre as vítimas de atentado na França

Glenn Greenwald acusa Intercept de censura e anuncia saída do site
censura

Glenn Greenwald acusa Intercept de censura e anuncia saída do site