Líder da igreja 'A Luz do Mundo' é detido na Califórnia por pedofilia

Naasón Joaquín García é suspeito de estuprar menores e divulgar pornografia infantil

Igreja A Luz do MundoIgreja A Luz do Mundo - Foto: Ulises Ruiz/AFP

O líder da igreja internacional "A Luz do Mundo", Naasón Joaquín García, foi detido na Califórnia, nos Estados Unidos, sob a acusação de estuprar menores e divulgar pornografia infantil, entre outros crimes, informou a promotoria estadual nesta terça-feira.

Segundo o promotor Xavier Becerra, García está detido com supostos cúmplices por "crimes cometidos entre 2015 e 2018", quando dirigia a "organização religiosa internacional sediada no México, que diz ter mais de um milhão de adeptos no mundo".

García, três mulheres detidas e outra procurada pelas autoridades foram denunciados por obrigar as vítimas - meninas menores de idade - "a praticar atos sexuais sob a alegação de que se contrariassem o desejo do 'apóstolo' estariam se opondo a Deus", explicou Becerra.

Leia também:
Papa diz ter iniciado a cura da pedofilia na Igreja
Pastor mata outro em Timbaúba em discussão bíblica


A investigação começou em 2018, após uma denúncia recebida pela promotoria, que fez um apelo para identificar outras possíveis vítimas.

Em um comunicado, "A Luz do Mundo" negou as "falsas acusações" contra seu "presidente internacional" e garantiu que confia "nas instituições deste país" (EUA) para julgar "a atitude exemplar e a integridade do apóstolo Naasón Joaquín".

Veja também

Pandemia reduziu migração mundial em 30%, aponta ONU
Mundo

Pandemia reduziu migração mundial em 30%, aponta ONU

Trump sairá de Washington horas antes da posse de Biden na quarta-feira (20)
Estados Unidos

Trump sairá de Washington horas antes da posse de Biden na quarta-feira (20)