A-A+

Líderes de protestos na Colômbia convocam nova mobilização para a segunda-feira

O protesto vai ocorrer no dia em que o Congresso deve votar a reforma tributária

Protestos na ColômbiaProtestos na Colômbia - Foto: Luis Robayo / AFP

Os líderes dos protestos contra o presidente Iván Duque, na Colômbia, convocaram uma manifestação para a segunda-feira, após uma nova reunião fracassada com o governo.

"Ratificamos nossa convocação para todos colombianos irem às ruas na próxima segunda-feira às duas da tarde (16H00 de Brasília)", disse à imprensa Diogenes Orjuela, presidente da Central Unitária dos Trabalhadores (CUT), um dos principais sindicatos do país.

Leia também:
Hong Kong fez mais de seis mil detenções em meio ano de protestos
Greve geral na Colômbia marca desaprovação ao governo de Duque

A convocação foi comunicada após Orjuela se reunir com representantes do governo para discutir 13 reivindicações que deram origem às manifestações contra Duque iniciadas em 21 de novembro.

A próxima mobilização vai ocorrer no mesmo dia da possível votação no Congresso de uma reforma tributária, que os promotores dos protestos rejeitam com o argumento de que ela alivia as empresas mais ricas e pune a classe média.

Veja também

Repórter deixa ESPN após se recusar a tomar vacina da Covid-19
Vacina

Repórter deixa ESPN após se recusar a tomar vacina da Covid-19

Trabalhadores de Hollywood levantam ameaça de greve
Cinema

Trabalhadores de Hollywood levantam ameaça de greve