VENEZUELA

Maduro: diálogo com a oposição

Estamos preparados para cumprir com minha palavra em 2017

São oferecidas 100 vagas, divididas nos períodos matutino e vespertino, e inscrições vão até 2 de fevereiroSão oferecidas 100 vagas, divididas nos períodos matutino e vespertino, e inscrições vão até 2 de fevereiro - Foto: Divulgação

 

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, ratificou seu compromisso com o diálogo para superar o conflito político com a oposição e confirmou que, nesta semana, os mediadores retomarão os esforços para descongelar a negociação. “Estamos preparados para cumprir com minha palavra em 2017: consolidar o diálogo político com fatores contrarrevolucionários”, manifestou o presidente na apresentação de seu relatório anual de gestão no Tribunal Supremo de Justiça. Na semana que vem, detalhou, virão os facilitadores da União das Nações Sul-Americanas (Unasul) e do Vaticano.

“Eu os receberei de braços abertos. Estou comprometido com o diálogo”, ressaltou Maduro. A coalizão opositora Mesa da Unidade Democrática (MUD) paralisou no último dia 6 de dezembro a negociação que havia sido iniciada em outubro passado, acusando o governo de descumprir acordos. A MUD exigia uma antecipação da eleição presidencial, prevista para 2018, algo que o chavismo descarta.

 

Veja também

Enviado dos EUA reúne-se com diplomata talibã e pressiona por direitos das mulheres
Afeganistão

Enviado dos EUA reúne-se com diplomata talibã e pressiona por direitos das mulheres

Cinco mortos em deslizamento de terra sobre carro em rodovia no Peru
Mundo

Cinco mortos em deslizamento de terra sobre carro em rodovia no Peru