Mulher abriga 97 cães em sua casa durante furacão nas Bahamas

Não há espaço suficiente, mas Chella Phillips afirma que vale a pena salvá-los

Cães foram salvos pela mulher após a passagem do furacãoCães foram salvos pela mulher após a passagem do furacão - Foto: Reprodução

A força do furacão Dorian fez com que moradores das Bahamas se unissem para conseguir enfrentar a fúria da tempestade mais forte da história da região. Uma mulher, no entanto, chamou a atenção nas redes sociais ao resgar 97 cachorros em sua própria casa.

Não há espaço suficiente, como mostram as fotos, mas Chella Phillips afirma que vale a pena salvá-los. "Não me importo com a limpeza constante, desde que eles estejam seguros", afirmou a mulher em seu perfil no Facebook.

Leia também:
Furacão Dorian avança para EUA depois de provocar devastação nas Bahamas
Furacão Dorian: EUA ordenam que 1 milhão de pessoas deixem suas casas

Para ajudar a manter os bichinhos, Phillips diz que conta com doações de vizinhos. Enquanto ela e o irmão se abrigavam e tentavam salvar os animais, o furacão matou cinco pessoas e atingiu mais de 13 mil casas.  Phillips tem experiência no assunto, já que ela administra uma casa para cães desabrigados e abandonados, a "The Voiceless Dogs of Nassau, Bahamas" que já ajudou mais de 1.000 cachorros desde que foi fundada, no ano passado.

Enquanto o furacão passava, ela e o irmão mal dormiram. "Ele dormiu apenas por uma hora, e eu fiquei acordada durante a noite toda, enxugando a casa e tomando conta dos animais que estavam aterrorizados", afirmou a mulher.

Veja também

Venda de 60 milhões de doses de vacina na América Latina amplia pressão sobre Brasil
Coronavírus

Venda de 60 milhões de doses de vacina na América Latina amplia pressão sobre Brasil

Anel indiano com 12.638 diamantes bate recorde mundial
Mundo

Anel indiano com 12.638 diamantes bate recorde mundial