Novo tremor sacode área mais afetada por terremoto do dia 7 no México

O abalo sísmico foi registrado às 9h18 (hora local; 11h58 de Brasília) com epicentro em águas do Pacífico

Após terremoto, mexicanos se preparam para o furacão KatiaApós terremoto, mexicanos se preparam para o furacão Katia - Fotos Públicas

Um tremor de magnitude 5,5 na escala Richter sacudiu neste sábado (16) o sul do México e teve epicentro perto de Salina Cruz, em Oaxaca, o estado mais afetado pelo terremoto de 7 de setembro, informou o Serviço Sismológico Nacional (SSN). Informação da EFE.

Leia também:
Sobe para 90 número de mortos após forte terremoto no sul do México
México busca sobreviventes e teme réplicas após terremoto que matou 65
Número de mortos no terremoto do México sobe para 61
Terremoto que atingiu o México foi o maior em 32 anos

O abalo sísmico foi registrado às 9h18 (hora local; 11h58 de Brasília) com epicentro em águas do Pacífico, a 56 quilômetros ao sul de Salina Cruz e a 31 quilômetros de profundidade.

"Até o momento não foram relatados danos pelo sismo de magnitude 5,5 nos estados onde foi sentido", informou no Twitter o coordenador nacional de Proteção Civil do país, Luis Felipe Puente.

Esta região de Oaxaca, conhecida como Istmo de Tehuantepec, foi a mais castigada pelo terremoto de magnitude 8,2 do último dia 7, que deixou 98 mortos, sendo 78 somente neste estado, 16 no de Chiapas e 4 no de Tabasco.

Em Juchitán de Zaragoza, a cidade de Oaxaca que mais sofreu com o violento terremoto, milhares de residências foram total ou parcialmente destruídas e 36 pessoas morreram.

Veja também

EUA não suspenderão proibições a viagens, apesar do anúncio de Trump, diz porta-voz de Biden
Pandemia

EUA não suspenderão proibições a viagens, apesar do anúncio de Trump, diz porta-voz de Biden

Oxigênio enviado a Manaus pela Venezuela cruza fronteira com o Brasil
Solidariedade

Oxigênio enviado a Manaus pela Venezuela cruza fronteira com o Brasil