Pacote suspeito é enviado ao ator Robert De Niro

O artefato seria semelhante aos enviados a políticos democratas, entre eles o ex-presidente Obama

Além de De Niro, ex-vice-presidente americano Joe Biden também teria recebido um pacote semelhante Além de De Niro, ex-vice-presidente americano Joe Biden também teria recebido um pacote semelhante  - Foto: Reprodução/Instagram

A Polícia de Nova York investiga nesta quinta-feira (25) um pacote suspeito encontrado no prédio onde fica o restaurante e a produtora do ator Robert De Niro, forte crítico do presidente americano, Donald Trump. O artefato seria semelhante aos oito enviados até agora a políticos democratas, entre eles o ex-presidente Barack Obama, o ex-vice-presidente Joe Biden e a ex-secretária de Estado Hillary Clinton, e a figuras ligadas ao partido, como George Soros, conhecido doador democrata.

Seguranças da TriBeCa Productions chamaram a polícia de Nova York informando sobre um pacote suspeito, que foi examinado por meio de raio-x. O pacote foi levado a um terreno do departamento de polícia no Bronx para ser destruído. De Niro já chamou Trump de "desastre nacional" em um discurso. Nas redes sociais, o presidente culpou a imprensa pela "raiva" na sociedade americana.

Leia também:
Pela primeira vez, Trump diz que príncipe saudita pode estar envolvido em morte de jornalista
Pacotes suspeitos são enviados para Hillary, Obama, Casa Branca e CNN
País que tiver míssil dos EUA será alvo, diz Putin
Robert De Niro, deprimido, apoia protestos contra Trump
Caitlyn Jenner manda recado para Trump em rede social


"Uma grande parte da Raiva que vemos na nossa sociedade é causada pelas reportagens propositadamente falsas e incorretas da Grande Mídia, à qual me refiro como Fake News. Ficou tão ruim e odioso que está além de descrições. A Grande Mídia deve se retratar, RÁPIDO!", escreveu o presidente. Nesta quinta, a polícia foi informada às 4h45 da manhã sobre o pacote, que estava no sétimo andar do prédio.

Como os demais, o endereço de retorno era o da congressista Debbie Wasserman Schultz, na Flórida. O envelope também tinha seis selos reproduzindo bandeiras americanas. De Niro é um feroz crítico de Trump. Em junho, durante o Tony, o prêmio mais importante do teatro, ele disse: "primeiro, eu quero dizer, foda-se Trump".
O presidente respondeu em uma série de mensagens na rede social Twitter, dizendo que o ator tinha um QI muito baixo.

O ex-vice-presidente Joe Biden também teria recebido um pacote do tipo, assim como a congressista Maxine Waters, que seria destinatária de duas bombas, uma encontrada no centro de triagem do Congresso e outra em Los Angeles. Um artefato endereçado ao ex-secretário de Justiça Eric Holder, que atuou no governo Obama, foi retornado nesta quarta ao escritório de Schultz.

A emissora CNN recebeu um pacote endereçado a John Brennan, ex-diretor da CIA (agência de inteligência americana) que atuou no governo Obama e teve a autorização de segurança -que permite acesso a informações confidenciais - revogada por Trump. A polícia investiga se os pacotes estão sendo deliberadamente enviados a figuras políticas vilipendiadas pela direita e, mais especificamente, pelo presidente Donald Trump.

Veja também

Farmacêuticas Pfizer-BioNTech fornecerão 40 milhões de doses de vacinas ao sistema Covax (OMS)
Coronavírus

Farmacêuticas Pfizer-BioNTech fornecerão 40 milhões de doses de vacinas ao sistema Covax (OMS)

Acusação contra Trump será enviada ao Senado na segunda-feira, diz líder democrata
IMPEACHMENT

Acusação contra Trump será enviada ao Senado na segunda-feira, diz líder democrata