Palestinos suspendem todos os contatos com Israel

A Polícia israelense proibiu nesta sexta que homens com menos de 50 anos entrem na Cidade Velha de Jerusalém e na Esplanada das Mesquitas

Muro das LamentaçõesMuro das Lamentações - Foto: Reprodução de vídeo

O presidente da Autoridade Palestina, Mahmoud Abbas, anunciou nesta sexta-feira (21) que havia "congelado os contatos" com Israel até que as novas medidas de segurança impostas pelo Estado israelense na Cidade Velha de Jerusalém -que inclui locais sagrados do judaísmo, do cristianismo e do islamismo- sejam anuladas.

A Polícia israelense proibiu nesta sexta que homens com menos de 50 anos entrem na Cidade Velha de Jerusalém e na Esplanada das Mesquitas, impedindo que muçulmanos participem da tradicional oração semanal.

"Declaro a suspensão de todos os contatos com o lado israelense em todos os níveis até que ele cancele suas medidas na mesquita de Al-Aqsa e preserve o status quo ", disse Abbas em breve discurso televisivo, referindo-se a uma mesquita que integra o local sagrado.

Três palestinos morreram durante protestos em locais situados perto da Cidade Velha e na Cisjordânia, afirmou o ministério da Saúde palestino.

A Esplanada das Mesquitas, onde estão o Domo da Rocha e a mesquita Al-Aqsa, fica na Cidade Antiga de Jerusalém, setor palestino da cidade santa. Sua anexação por parte de Israel nunca foi reconhecida pela comunidade internacional.

Veja também

Armas nucleares: ONU e papa saúdam tratado sem assinatura de potências
REAÇÃO

Armas nucleares: ONU e papa saúdam tratado sem assinatura de potências

Google ameaça bloquear ferramenta de busca na Austrália
SANÇÃO

Google ameaça bloquear ferramenta de busca na Austrália