Papa Francisco critica consumismo de Natal

"O Natal, que comemora o nascimento de Jesus na tradição cristã, não pode ser resumido "a uma bela festa tradicional" e ao "barulho do consumismo", diz papa

Papa Francisco conduzindo um coral formado por crianças, na audiência semanal  geral do VaticanoPapa Francisco conduzindo um coral formado por crianças, na audiência semanal geral do Vaticano - Foto: Vincenzo Pinto/AFP

O papa Francisco recordou, nesta quarta-feira (19), que o Natal, que comemora o nascimento de Jesus na tradição cristã, não pode ser resumido "a uma bela festa tradicional" e ao "barulho do consumismo".

"A máquina publicitária convida a sempre trocar presentes novos para fazer surpresas. Mas esta é a festa que agrada a Deus?", questionou o papa aos fiéis em sua tradicional audiência de quarta-feira.

Leia também:
Papa Francisco apoia Pacto Mundial para a Migração
Decoração de Natal do Recife é inaugurada com apresentações musicais; veja fotos
Nestlé é acusada de publicidade enganosa em leite para bebês


"O Natal é preferir a voz silenciosa de Deus ao barulho do consumismo", definiu o líder dos católicos. "Se o Natal se limitar a uma bela festa tradicional, onde nós temos um lugar central e não Ele, será uma oportunidade perdida. Por favor, não transformem o Natal em um evento mundano!", recomendou.

"Hoje em dia, corremos como nunca durante o resto do ano", disse ele, julgando esse frenesi contrário a um sentimento religioso. "Não será Natal se procurarmos os brilhantes vislumbres do mundo, se nos empanturrarmos com presentes, almoços e jantares, mas nem sequer ajudarmos um pobre", acrescentou.

Veja também

Restrições caem e europeus lotam ruas com avanço da vacinação
Coronavírus

Restrições caem e europeus lotam ruas com avanço da vacinação

Briga com tiros na Times Square fere 3, incluindo menina de 4 anos
EUA

Briga com tiros na Times Square fere 3, incluindo menina de 4 anos