Parlamento irlandês aprova legalização do aborto

O texto autoriza o aborto sem condições até 12 semanas após a gravidez ou posteriormente em casos de "risco à vida" e "grave perigo para a saúde" da mulher

Dublin, capital da IrlandaDublin, capital da Irlanda - Foto: wikipedia

O Parlamento irlandês adotou nesta quinta-feira (13) o projeto de lei que legaliza o aborto, sete meses após o referendo histórico no qual o país se pronunciou contra a proibição constitucional à interrupção voluntária da gravidez.

Leia também:
Barroso diz que debate sobre aborto deve ser feito no Supremo
Argentinas prometem continuar com a luta pelo aborto legal


O texto autoriza o aborto sem condições até 12 semanas após a gravidez ou posteriormente em casos de "risco à vida" e "grave perigo para a saúde" da mulher.

Veja também

Organizadores de ato que terminou com invasão do Capitólio trabalharam para campanha de Trump
EUA

Organizadores de ato que terminou com invasão do Capitólio trabalharam para campanha de Trump

Biden turbina auxílio emergencial para enfrentar crise de fome agravada pela Covid-19
EUA

Biden turbina auxílio emergencial para enfrentar crise de fome agravada pela Covid-19