Partido Comunista chinês confere 'papel central' ao presidente Xi Jinping

Anuncio feito nesta quinta significa um novo reforço dos poderes do presidente chinês

Movimentação no Cais do Sertão, que recebe, nesta quinta-feira (24), o ex-presidente Lula (PT)Movimentação no Cais do Sertão, que recebe, nesta quinta-feira (24), o ex-presidente Lula (PT) - Foto: Ed Machado/Folha de Pernambuco

O Partido Comunista chinês (PCC) conferiu ao seu secretário-geral, Xi Jinping, um "papel central", anunciou nesta quinta-feira a agência oficial Xinhua, o que significa um novo reforço dos poderes do presidente chinês.

Um comunicado publicado após uma reunião de quatro dias do Partido em Pequim convoca todos os membros a "se unirem estreitamente em torno do comitê central do PCC, com o camarada Xi Jinping ocupando um papel central", disse a Xinhua.

Veja também

Chile supera meio milhão de casos de Covid-19 na véspera do plebiscito constitucional
América Latina

Chile supera meio milhão de casos de Covid-19 na véspera do plebiscito constitucional

Papa nomeia italiano novo patriarca latino de Jerusalém
Vaticano

Papa nomeia italiano novo patriarca latino de Jerusalém