Polêmica na Ucrânia pela nomeação de vice-ministra que posou nua

Deeva foi nomeada em outubro, mas sua nomeação se tornou publica apenas nesta segunda-feira

Ciro Gomes (PDT)Ciro Gomes (PDT) - Foto: Mauro Pimentel / AFP

A nomeação como vice-ministra ucraniana do Interior de uma jovem de 24 anos, Anastasia Deeva, conhecida por suas fotos nuas nas redes sociais, causou um escândalo na Ucrânia.

Deeva foi nomeada em outubro ao posto de vice-ministra do Interior encarregada dos assuntos europeus, mas a sua nomeação foi conhecida apenas nesta segunda-feira.

Até agora, Deeva era uma das conselheiras do Ministério do Interior.

"Nomearam um bebê como vice-ministra do Interior", acusou no Facebook Aliona Iakno, secretária de um deputado ucraniano.

Deeva é criticada por sua falta de experiência, por suas fotos nuas e por ter trabalhado no Partido das Regiões, a formação política do ex-presidente ucraniano Viktor Yanukovich, destituído em 22 de fevereiro de 2014.

Apesar das críticas, o ministro do Interior Arsen Avakov defendeu a nomeação. "Depois de consultas internas, incluindo com parceiros estrangeiros", "escolhemos Anastasia Deeva, uma jovem mulher, que pode perfeitamente acompanhar os projetos da pasta", afirmou o ministro.

"Eu vejo o debate e percebo que o que mais incomoda é o fato de ela ser jovem", acrescentou Arsen Avakov em sua página no Facebook.

Alguns jovens de "24-30 anos são mais competentes do que pessoas de 50 anos como eu", acrescentou o ministro.

Veja também

Trump diz que manterá política migratória em relação ao México
EUA

Trump diz que manterá política migratória em relação ao México

Áreas rurais latino-americanas sofrem grave atraso na conectivadade à internet
Estudo

Áreas rurais latino-americanas sofrem grave atraso na conectivadade à internet