Polícia prende segundo suspeito de participação no ataque a policiais em Londres

Prisão foi realizada por agentes da unidade antiterrosimo, que investiga o ataque da última sexta-feira

Ataque aconteceu na última sexta-feiraAtaque aconteceu na última sexta-feira - Foto: Chris J Ratcliffe/AFP

A Polícia Metropolitana de Londres prendeu um segundo homem suspeito de ter envolvimento no ataque registrado na última sexta-feira (25) perto do Palácio de Buckingham, quando três agentes foram feridos por um indivíduo que já foi detido. O homem, de 30 anos, mora no norte de Londres e foi preso por cometer, preparar e instigar atos terroristas, disse a polícia.

Leia também
Homem que atacou palácio em Londres tinha uma espada e gritou "Alá é grande"
Palácio de Buckingham, em Londres, é fechado após homem atacar policiais


A prisão foi realizada por agentes da unidade antiterrosimo, que investiga o ataque de sexta-feira, quando um homem de 26 anos feriu com uma arma branca três agentes que tentaram abordá-lo quando ele parava em um veículo em uma área restrita próxima ao palácio da família real do Reino Unido.

Segundo a polícia, o jovem preso em frente ao Palácio de Buckingham tinha uma espada e gritou "Allahu Akbar" (Deus é grande), quando foi preso. Ele também teria conduzido o veículo deliberadamente na direção dos agentes, na tentativa de atropelá-los.

A rainha Elizabeth II não estava no palácio na hora do incidente. Ela está passando as férias de verão no castelo de Balmoral, na Escócia.

Veja também

Policiais do Capitólio prendem homem que tentou passar por barreira
Capitólio

Policiais do Capitólio prendem homem que tentou passar por barreira

EUA realiza última execução do mandato de Trump
EUA

EUA realiza última execução do mandato de Trump