Quase 25% da população mundial enfrenta estresse hídrico extremo

O Instituto de Recursos Mundiais (WRI, na sigla em inglês) classificou o estresse hídrico, o risco de seca e o risco de inundação fluvial utilizando uma metodologia revisada por especialistas

Crise hídricaCrise hídrica - Foto: Daniel Prado/Agência Senado

Quase 25% da população mundial vive em 17 países que enfrentam situação de estresse hídrico extremo e se aproximam do que se chama de "dia zero", quando as torneiras secam, afirma um relatório divulgado nesta terça-feira.

O Instituto de Recursos Mundiais (WRI, na sigla em inglês) classificou o estresse hídrico, o risco de seca e o risco de inundação fluvial utilizando uma metodologia revisada por especialistas. "A agricultura, a indústria e os municípios estão consumindo 80% das águas superficiais e subterrâneas disponíveis em um ano médio nos 17 países mais afetados", afirmou o WRI.

Leia também:
BID vai premiar alternativas para driblar crise hídrica no Brasil
Saídas fechadas e falta de água revoltam público na Esplanada
Rio de Janeiro pode ter falta de água em razão de greve de caminhoneiros

Catar, Israel, Líbano, Irã, Jordânia, Líbia, Kuwait, Arábia Saudita, Eritreia, Emirados Árabes Unidos, San Marino, Bahrein, Índia, Paquistão, Turcomenistão, Omã e Botsuana formam o grupo dos 17. "O estresse hídrico é a maior crise sobre a qual ninguém fala. As consequências são visíveis na forma de insegurança alimentar, conflito, migração e instabilidade financeira", disse Andrew Steer, presidente executivo do WRI. Outros 27 países integram a lista de "alto estresse hídrico de referência".

Oriente Médio e o norte da África têm 12 dos países mais estressados. A Índia, que aparece na posição 13, tem uma população três vezes maior que os outros 16 países. "A recente crise da água na região de Chennai chamou a atenção mundial, mas diversas áreas da Índia sofrem um estresse hídrico crônico", afirmou Shashi Shekhar, ex-secretária para a Água da Índia.

Ela disse que o relatório pode ajudar as autoridades a identificar e priorizar os riscos. Até os países com reduzido estresse hídrico médio podem ter pontos críticos. Os Estados Unidos aparecem na 71ª posição, mas o estado do Novo México sofre estresse hídrico.

Veja também

Alerta da OMS de possíveis 2 milhões de mortos pela covid-19 não impede sonho olímpico do Japão
Olimpíadas

Alerta da OMS de possíveis 2 milhões de mortos pela covid-19 não impede sonho olímpico do Japão

Crises locais eclipsam quadro de Covid grave mas estável na América Latina
América Latina

Crises locais eclipsam quadro de Covid grave mas estável na América Latina