Sobe para 21 o número de mortos em acidente com trens no Paquistão

Segundo uma autoridade municipal, até mil passageiros poderiam estar a bordo dos dois trens

Cerimônia de posse do novo superintendente da Polícia Federal em Pernambuco, Cairo Costa DuarteCerimônia de posse do novo superintendente da Polícia Federal em Pernambuco, Cairo Costa Duarte - Foto: Paullo Allmeida/ Folha de Pernambuco

Ao menos 21 pessoas morreram e 65 ficaram feridas nesta quinta-feira (3) de manhã na colisão de dois trens de passageiros em Karachi, indicou o doutor Kaleem Shaikh, do hospital Jinnah, o mais importante da cidade.

Socorristas com ferramentas para cortar metal tentavam liberar as pessoas presas nos vagões, segundo imagens divulgadas na televisão.

O acidente aconteceu quando o Zakria Express procedente de Multan, uma importante cidade da região de Punjab (centro), bateu contra o Farid Express, que partiu de Lahore e estava parado na estação de Quaidabad, também chamada Jumma Goth, na zona leste de Karachi.

Segundo uma autoridade municipal, até mil passageiros poderiam estar a bordo dos dois trens. Os acidentes ferroviários são frequentes no Paquistão, que tem uma ampla rede ferroviária herdada da época colonial, mas que está em péssimo estado.

Veja também

América Latina e Caribe passam dos três milhões de casos da Covid-19
Epicentro

América Latina e Caribe passam dos três milhões de casos da Covid-19

EUA inicia saída formal da Organização Mundial da Saúde
Rompimento

EUA inicia saída formal da Organização Mundial da Saúde