Social-democratas alemães indicam Schulz para enfrentar Merkel nas eleições

O nome de Schulz foi apontado de maneira unânime pelas autoridades do partido, segundo declarações do presidente da SPD

Chanceler alemã Angela MerkelChanceler alemã Angela Merkel - Foto: John Macdougall/AFP

O partido social democrata alemão (SPD) anunciou, nesta terça-feira (24), que o ex-presidente do Parlamento Europeu Martin Schulz foi escolhido para disputar as eleições gerais contra a chefe de governo, a chanceler Angela Merkel, em setembro.

O nome de Schulz foi apontado de maneira unânime pelas autoridades do partido, segundo declarações do presidente da SPD, Sigmar Gabriel, para a imprensa em Berlim. Sigmar renunciou à candidatura por ter grandes índices de impopularidade.

O ex-presidente do Parlamento é "um melhor candidato e tem melhores possibilidades" de vencer a disputa dia 24 de setembro. Martin Schulz disse que aceitava a proposta "com grande honra e orgulho".

A candidatura deve ser oficializada pelo comitê executivo do SPD no domingo. Schulz tem popularidade parecida com a de Merkel. Mas as sondagens indicam que os democratas-cristãos estão muito à frente do SPD, apesar das críticas da política isolacionista promovida por Merkel.

Veja também

França registra cinco novos casos de trombose sem morte entre vacinados com AstraZeneca
Coronavírus

França registra cinco novos casos de trombose sem morte entre vacinados com AstraZeneca

Regulador europeu afirma que benefícios da vacina AstraZeneca aumentam com a idade
Vacina contra Covid-19

Regulador europeu afirma que benefícios da vacina AstraZeneca aumentam com a idade