Tiroteio em universidade deixa 4 mortos na Turquia

O atirador, um funcionário da Universidade Osmangazi, matou um vice-reitor, dois membros do corpo acadêmico e uma secretária do estabelecimento de ensino por razões ainda desconhecidas.

Universidade de Osmangazi, na Turquia, é alvo de tiroteio que deixou quatro funcionários mortosUniversidade de Osmangazi, na Turquia, é alvo de tiroteio que deixou quatro funcionários mortos - Foto: Dha / Dogan News Agency / AFP

Quatro pessoas morreram nesta quinta-feira (05) quando um homem abriu fogo em uma universidade de Eskisehir, oeste da Turquia, informou a agência de notícias Dogan, acrescentando que o atirador foi detido.

Segundo a agência Anadolu, o atirador, um funcionário da Universidade Osmangazi, matou um vice-reitor, dois membros do corpo acadêmico e uma secretária do estabelecimento de ensino por razões ainda desconhecidas.

Várias ambulâncias e patrulhas da polícia se encontram no local. As imagens da tv mostram empregados e estudantes da universidade chorando. O reitor Hassan Gönen, citado pelo jornal Hürriyet, confirmou que quatro pessoas foram assassinadas.

Leia também:
ONU denuncia graves violações dos direitos humanos na Turquia
Tiroteio é registrado em escola de ensino médio em Maryland, nos EUA


Segundo ele, o atirador entrou no gabinete do decano, que não se encontrava no momento, depois saiu e matou quatro pessoas com uma pistola. Ele depois fugiu, mas foi capturado pela polícia.

Apesar de a Turquia ter sido alvo de vários atentados nos últimos anos, este tipo de tiroteio é relativamente pouco frequente no país. Algumas organizações alertaram sobre o aumento de armas em circulação no país.

Veja também

Depois de 652 dias, Bélgica consegue formar um governo
internacional

Depois de 652 dias, Bélgica consegue formar um governo

Polônia indica ministro da Educação que afirma que 'gays não são normais'
internacional

Polônia indica ministro da Educação que afirma que 'gays não são normais'