Trump ameaça fechar fronteira EUA-México se Congresso não financiar muro

O alerta de Trump surge no meio da paralisação parcial do governo, depois que os congressistas fracassaram em sua tentativa de chegar a um acordo sobre o financiamento ao muro

Presidente americano Donald TrumpPresidente americano Donald Trump - Foto: Nicholas Kamm/ AFP

O presidente Donald Trump ameaçou, nesta sexta-feira (28), fechar "completamente" a fronteira EUA-México, a menos que o Congresso aprove recursos para financiar um muro fronteiriço, em meio a uma queda de braço que levou ao shutdown do governo desde 22 de dezembro.

"Seremos forçados a fechar a fronteira sul completamente, se os democratas obstrucionistas não nos derem dinheiro para terminar o muro & também mudarem as ridículas leis migratórias", tuitou.

O alerta de Trump surge no meio da paralisação parcial do governo, depois que os congressistas fracassaram em sua tentativa de chegar a um acordo sobre o financiamento ao muro de Trump.

Enquanto os democratas se recusam a destinar US$ 5 bilhões para o projeto, o presidente garante que não aprovará nenhum acordo orçamentário, a menos que consiga os recursos.

Leia também:
Trump anuncia nome de novo secretário de Defesa
Trump diz que México vai pagar por muro na fronteira através de novo acordo


Em outro tuíte nesta sexta, Trump disse que também considera um provável fechamento da fronteira uma "operação lucrativa", alegando que "os Estados Unidos perdem muito dinheiro em comércio com o México sob o Nafta, mais de 75 bilhões de dólares anuais (sem incluir o dinheiro da droga que seria várias vezes essa quantia)".

Em vigor desde 1994 e incluindo o Canadá, o Acordo de Livre-Comércio da América do Norte (Nafta, na sigla em inglês) foi frequentemente denunciado como desfavorável por Trump, que exigiu de seus vizinhos que os termos fossem renegociados. Um novo acordo (chamado de USMCA) para substituir esse pacto foi firmado no final de novembro, mas precisa ser ratificado pelos respectivos congressos.

Em novembro, Trump já tinha ameaçado fechar "toda a fronteira" com o México, "se chegar ao nível em que vamos perder o controle, ou as pessoas vão começar a ficar feridas".

Dias depois, as autoridades americanas fecharam uma passagem no sul da Califórnia, quando centenas de imigrantes - parte da "caravana" condenada por Trump e procedente da América Central - tentaram forçar uma cerca na cidade mexicana de Tijuana.

Com o fechamento temporário, os agentes de fronteira suspenderam o fluxo de veículos e pedestres no ponto de San Ysidro, um dos mais movimentados entre os dois países.

Veja também

União Europeia pretende vacinar 70% da população adulta até o verão
Vacina contra Covid-19

União Europeia pretende vacinar 70% da população adulta até o verão

Separadas por Trump, famílias do Oriente Médio contam os dias para era Biden
Esperança

Separadas por Trump, famílias do Oriente Médio contam os dias para era Biden