Trump assina nesta quarta-feira decreto que proíbe imigração

Presidente dos Estados Unidos visa proteger os trabalhadores locais em plena crise pelo coronavírus.

Donald Trump, presidente dos EUADonald Trump, presidente dos EUA - Foto: MANDEL NGAN / AFP

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou nesta quarta-feira (22) que assina ainda hoje o decreto para bloquear, temporariamente, a imigração no país.

Segundo Trump, o objetivo da medida é proteger os trabalhadores locais em plena crise pelo coronavírus. "Vou assinar hoje a ordem executiva que proíbe a imigração no nosso país", tuitou.

A medida está prevista para permanecer em vigor por 60 dias e afetará os "green cards", documento que dá residência permanente a seu beneficiário. Vistos de trabalho temporário não serão atingidos.

Leia também:
Trump deseja 'o melhor' para Kim Jong-un, mas diz não saber sobre seu estado de saúde
Trump anuncia 'suspensão temporária' de imigração aos EUA por coronavírus

Veja também

Colômbia pode impor restrições a quem não se vacinar, alerta ministro
América Latina

Colômbia pode impor restrições a quem não se vacinar, alerta ministro

Com 54% da população totalmente vacinada, Portugal alivia restrições contra a Covid-19
PANDEMIA

Com 54% da população totalmente vacinada, Portugal alivia restrições contra a Covid-19