Trump e Putin elogiam a "cooperação" no aniversário de reunião histórica da II Guerra Mundial

Reunião das forças soviéticas e americanas no rio Elba em 25 de abril de 1945 é considerada um marco da Segunda Guerra Mundial

Trump e Putin se encontram em cúpula bilateral históricaTrump e Putin se encontram em cúpula bilateral histórica - Foto: Aleksey Nikolsky/Sputnik/AFP

Rússia e Estados Unidos comemoraram neste sábado (25) uma união histórica entre as forças soviéticas e americanas durante a Segunda Guerra Mundial, em um exemplo de como seus países podem "fomentar confiança e cooperar".

A reunião das forças soviéticas e americanas no rio Elba em 25 de abril de 1945 é considerada um marco da Segunda Guerra Mundial, um presságio da derrota da Alemanha nazista.

O encontro do Elba "é um exemplo de como nossos países podem deixar de lado suas diferenças, fomentar a confiança e cooperar em nome de um objetivo comum", disse um comunicado conjunto do presidente russo, Vladimir Putin, e de seu homólogo americano, Donald Trump, publicado pelo Kremlin e pela Casa Blanca.

"Enquanto hoje trabalhamos para enfrentar os desafios mais importantes do século XXI, prestamos homenagem ao valor e à valentia daqueles que lutaram juntos para derrotar o fascismo. O feito heroico nunca será esquecido", continua o comunicado.

Leia também:
Trump diz que estava sendo 'sarcástico' sobre injeção de desinfetante
Putin declara abril como mês de descanso com direito a salário na Rússia


Em um vídeo publicado no Twitter, o embaixador dos EUA na Rússia, Johan Sullivan, afirmou que o encontro do Elba foi "um símbolo do que podemos conseguir quando trabalhamos juntos por uma causa comum".

Veja também

Mais de 100 pessoas são presas na Venezuela por falsificação de documentos
Mundo

Mais de 100 pessoas são presas na Venezuela por falsificação de documentos

Covax e Banco Mundial se unem para levar mais vacinas contra Covid-19 aos países pobres
Coronavírus

Covax e Banco Mundial se unem para levar mais vacinas contra Covid-19 aos países pobres