Trump nomeia diretora de campanha como conselheira da Casa Branca

Responsável pelas pesquisas de opinião no Partido Republicano, Conway é considerada a responsável por dar um ar mais disciplinado ao empresário

 primeira edição da ação, realizada em 2018, alcançou o objetivo de promover o entendimento jurídico e dar celeridade a processos. primeira edição da ação, realizada em 2018, alcançou o objetivo de promover o entendimento jurídico e dar celeridade a processos.  - Foto: Matheus Brito / PJG

O presidente dos EUA, Donald Trump, anunciou nesta quinta (22) sua diretora de campanha, Kellyanne Conway, como sua conselheira na Casa Branca, além de escolher sua equipe de comunicação.

Responsável pelas pesquisas de opinião no Partido Republicano, Conway é considerada a responsável por dar um ar mais disciplinado ao empresário, permitindo que ele obtivesse o apoio de membros moderados do partido.

Em nota, a equipe de transição disse que ela terá um papel chave, ajudando o mandatário a definir as prioridades no Legislativo. Trump saudou Conway como a primeira mulher a gerenciar uma campanha presidencial vencedora."Ela teve um papel crucial na minha vitória. É uma defensora incansável e tenaz de minha agenda e teve ideias maravilhosas de como podemos divulgar nossa mensagem", disse o presidente.

Devido à sua influência na campanha e na equipe de transição, especulava-se nos EUA sobre que cargo ela teria em um futuro governo Trump. Inicialmente ela disse que não aceitaria porque queria cuidar de sua família.

Ela é parte de um grupo republicanos fiéis com quem Trump contará em postos da Casa Branca. Dentre eles, está também o ex-diretor de comunicações da cúpula de partido, Sean Spicer, o novo secretário de Imprensa.

A equipe de Spicer terá como assessores os membros da campanha Hope Hicks (comunicação estratégica), Jason Miller (diretor de comunicações) e Dan Scavino (diretor de mídias sociais).

Antes da eleição, o futuro secretário criticou abertamente a cobertura da imprensa dos candidatos republicanos, em especial Trump, mas insistiu que o empresário tem forte estima pela liberdade de imprensa.

Veja também

Janet Yellen é confirmada como primeira secretária do Tesouro americano
EUA

Janet Yellen é confirmada como primeira secretária do Tesouro americano

Biden prevê atrasos nas negociações de ajuda financeira para a pandemia
EUA

Biden prevê atrasos nas negociações de ajuda financeira para a pandemia